A Cor do Ano: uma temática multissensorial
12 de dezembro de 2019
A Etapa Europeia 2019: estudamos na França! – Parte II
16 de dezembro de 2019

A Etapa Europeia 2019: estudamos na França! – Parte I

Você que nos acompanha sabe que a escola fez 7 anos em setembro de 2019, e nessa mesma data um outro evento muito marcante finalmente aconteceu: a etapa de estudos internacional na França! Um objetivo antigo que foi tomando forma aos poucos. Foram 15 alunas brasileiras que já haviam passado por nossos cursos no Brasil, algumas atuantes do segmento da perfumaria como empresárias ou colaboradoras de empresas do setor, todas em busca de mais conhecimento, inspiração, atualização e crescimento pessoal. Estudar junto de quem tem os mesmos interesses e paixões é muito potente!

E como essa história começou? Ao longo desses 7 anos, alunos nos perguntavam sobre a possibilidade de promovermos uma viagem internacional de estudos, que nasceu assim, no boca a boca, nas conversas do café, foi um plano bordado com paciência, aos poucos. E é claro que uma vivência como essa não poderia ficar só entre o grupo que participou! Esse espírito de escola, de partilhar informação, faz parte da essência da Paralela. Por isso preparamos esse conteúdo, para você viajar com a gente e para te apoiar com informações inspiradoras e novas frentes de estudo que complementam seu treinamento olfativo e conhecimento sobre o setor.

Para mim, foi especial colocar esse sonho de pé, perceber que as conexões pelo mundo foram se fortalecendo, vivi essa indústria por 20 anos e comecei a sonhar em levar o encantamento das viagens corporativas para outros perfis de consumidores e empreendedores, com o objetivo educacional. Sempre soube o quanto vivências como essa enriquecem e transformam o olhar desses grupos. Então, convoquei essas conexões poderosas para uma nova jornada e assim, com cuidado, planejamento e um roteiro exclusivo, o sonho se tornou realidade!
Você está pronto para viajar comigo?

 

DIA 1 e 2 da Etapa Europeia

Dias de estudos na escola francesa Cinquième Sens

 

A viagem começou com dois dias de estudos avançados na escola Cinquième Sens, nossa parceira exclusiva com 43 anos de atuação na França. Francis Hembert, presidente internacional nos recebeu e apresentou a escola,  entusiasmado com a iniciativa inédita que estávamos realizando por lá! Isso reforça a potência do mercado brasileiro no cenário internacional, essa paixão pelo produto e o tamanho da nossa curiosidade.
Duas perfumistas, Alice e Camille, guiaram o grupo nesses dois dias de aulas práticas, em inglês, na composição de acordes fundamentais: Eau de Cologne, rosa, jasmim, pera… foram avaliações detalhadas de ingredientes seguidos da criação de pequenas fórmulas, tudo para entender a perfumaria, memorizar conceitos e cheiros de forma dinâmica e prática, seguindo a metodologia da escola.

 

As alunas levaram para casa dois kits Olfactorium® com as 96 matérias-primas estudadas em aula para que pudessem continuar os estudos na volta ao Brasil, mais um sonho realizado já que o acesso aos materiais de estudo é restrito por aqui.

 

 

 

 DIA 3 da Etapa Europeia

O terceiro dia foi uma Imersão em uma das marcas mais tradicionais da perfumaria francesa, a Maison Guerlain, fundada em 1828 e adquirida pelo grupo LVMH em 1994.

 

Visitamos a fábrica em Orphin, que fica a 75km ao sul de Paris, e de onde saem todos os produtos da marca – são cerca de 20 milhões de frascos de perfumes por ano. Fomos recebidas por Paulo, Diretor Industrial e Técnico, o dia teve o tom de uma conversa entre amigos. Tendo dedicado boa parte de sua vida à Guerlain, Paulo conhece a marca como poucos. Entre um fato e outro, ele revelou números impressionantes, segredos de produtos e nos presenteou com a experimentação de ingredientes de altíssima qualidade escolhidos pelo perfumista da casa – Thierry Wasser (que dedica até 80% do seu tempo na busca pelos melhores ingredientes naturais no mundo). Uma dessas preciosidades é a manteiga de íris que ele apresentou ao grupo, um pote com 5kg que vale 90 mil euros e tem beleza olfativa única: polvorosa, fresca e seca ao mesmo tempo, floral, violeta.

A visita seguiu pela planta, onde vimos as linhas de produção de perto, acompanhamos a delicada produção de miniaturas da marca Aqua Allegoria Mandarine Basilic, visitamos a gráfica que eles mantém dentro da fábrica e onde são etiquetados todos os produtos, um a um. A Guerlain faz questão de finalizar esta etapa à mão, pelas mãos experientes de colaboradores que estão lá há mais de duas décadas.

Outro momento único foi a demonstração do barbichage, aquele detalhe feito à mão nos frascos de perfumaria da marca, deixamos uma foto aqui abaixo para você entender melhor, um processo delicado que exige mãos firmes e olhar nítido da especialista dedicada a essa função.

 

Depois do almoço em Orphin nos despedimos e seguimos para conhecer como esses produtos são apresentados e comercializados no ponto de venda.
Fomos para a loja principal da marca no endereço no No 68 Avenue des Champs-Élysées. A loja conceito com arquitetura Art Noveau, desenhada pelo arquiteto Charles Mewè, o mesmo do Hotel Ritz de Paris e Carlton de Londres, foi aberta em 1914 e hoje é tombada, considerada patrimônio histórico francês. A loja foi ampliada e foram adicionados mais 1600 m2. Um dos lados é totalmente dedicado à tradição, história, museu, instituto Guerlain e Spa, e o outro espaço abriga a história recente da marca, destacando o sucesso La Petit Robe Noire, um ambiente branco, clean e espelhado e uma área no subsolo dedicada a eventos com influenciadores.

 

A visita foi conduzida pela relações públicas da Guerlain, Vanessa apresentou o espaço, contou detalhes sobre o novo momento da marca incluindo o aplicativo de consultoria olfativa usado para por consumidores na busca pela fragrância Guerlain assinatura. O meu eleito foi o Coconut Fizz, ideal para o nosso clima, com saída bem cítrica, corpo floral solar cremoso e fundo espuma de coco. Você pode, além de encontrar seu perfume, personalizá-lo! É possível selecionar um frasco abelha na cor da sua preferência, com a finalização e decoração da sua escolha. A experiência foi um luxo de atenção aos detalhes, personalização e história pra ficar na memória. O resultado foi 15 perfume lovers fãs da Guerlain!

Depois de um dia como esses, uma parte da turma seguiu para uma palestra do perfumista Christophe Laudamiel, promovida pela Osmothèque – maior biblioteca olfativa do mundo, que abriga o maior registro de perfumes que se conhece atualmente, incluindo perfumes raros, que não são mais fabricados. A Osmothéque  fica no complexo da ISIPCA, em Versailles.  O evento tinha como tema principal a criação das fragrâncias que ilustram o livro clássico do setor “O Perfume”, de Patrick Suskind. Além do conteúdo da palestra e da experiência de degustar as criações olfativas diretamente com o criador, esse tipo de evento nos permitiu encontrar e trocar experiências com a comunidade local da perfumaria, dentre elas, Patricia de Nicolaï, presidente da Osmothèque e Christophe Sheldrake, perfumista da Chanel para quem tive a oportunidade de contar mais sobre  o projeto da Paralela Escola Olfativa no Brasil. Christophe, também está engajado pessoalmente no tema da educação,  apoia a Osmothèque para que ela tenha cada vez mais presença, visibilidade e proximidade da comunidade da perfumaria.

 

Dia 4 – Período histórico, a perfumaria de Versailles.

Quinta-feira, 17 de setembro, amanhecemos com céu azul e coração palpitando para uma visita fechada e guiada a alguns cômodos pré selecionados do castelo de Versailles! Esse dia foi pensado para estudarmos um período específico e muito rico da história da perfumaria. A historiadora do castelo nos guiou pelas intimidades e segredos da corte perfumada. Hábitos de banho, rotinas e curiosidades da época, personagens polêmicos e encantadores. Foram duas horas e meia de informação e vivência em um dos lugares mais encantadores do mundo. Depois tivemos um tempo livre para circular pelo castelo, explorar os jardins, fazer comprinhas e seguir para um almoço muito especial!

O chef Patrick Eyroi preparou um almoço especial para o grupo em seu restaurante Carmen. Um espaço intimista com culinária baseada nos produtos da estação, refinada, sublima os produtos simples do mercado . Sua paixão pelo que faz fica evidente em cada detalhe. Foi um almoço delicado, aromático e muito afetuoso, com direito a lanchinho para a o dia que ainda não tinha terminado.

“Sabores intactos para emoções verdadeiras.” Patrick Eyroi.

 

Para o momento seguinte na Cour des Senteurs também na cidadezinha de Versailles, onde a Historiadora e especialista em perfumaria Élisabeth de Feydeau nos recebeu com sua equipe para aprofundar alguns pontos e curiosidades da época, agora com experiências sensoriais. Élisabeth é responsável por recriar a fragrância de Maria Antonieta com base em descrições e relatos encontrados em documentos históricos. Pudemos sentir o resultado e trazer o perfume na mala. O resultado é uma fragrância bem feminina, cítrica na saída, com corpo difusivo floral rosa, jasmim, tuberosa e fundo talcado de violetas e íris. A recriação trouxe um ar de modernidade para adequar o perfume aos tempos atuais, ainda assim é fascinante. Élisabeth é autora de mais de 10 livros sobre perfumes, dentre eles O Perfumista da Maria Antonieta e a História da Guerlain. Quando você estiver em Versailles não deixe de visitar a Cour des Senteurs, um lugar realemente charmoso que vale o passeio.

O dia ainda não tinha terminado e a última parada foi na Osmothèque, onde tivemos uma conferência sobre a história de François Coty – empreendedor self made man que conquistou sucesso sem precedentes na sua época.

Guiadas por Patricia de Nicolai, pudemos experimentar produtos raros que já não existem mais no mercado, somente na Osmoteque, como Emeraud e L´Origan. Foi emocionante, como especialista da perfumaria, finalmente poder sentir produtos tão icônicos,  isso graças ao trabalho cuidadoso que a equipe da Osmotèque realiza, são duzentas fórmulas guardadas em total sigilo, em um banco de Paris, que podem ser reproduzidas somente para a finalidade de estudos e presenvação da arte da perfumaria.  Foi também durante essa conferência que ficou evidente a rivalidade de Coty e Guerlain na época, comparando produtos, nos deparamos com a similaridade entre algumas de suas fragrâncias como Emeraud e Shalimar, numa clara disputa por inovação em novos territórios olfativos da época. Parabéns Osmoteque, pelo belo e árduo trabalho de manter viva a história da perfumaria!

No Brasil, a história da perfumaria é recente, apesar da grande paixão pelo produto. Olhar para o passado, estudar e vivenciar lugares com tantas referências históricas permite colocar a perfumaria em uma outra perspectiva de entendimento e valorização dos bastidores dessa arte. No Brasil há uma confusão sobre a figura do perfumista, muitos profissionais que não criam fragrâncias se auto denominam perfumistas o que leva a certa confusão no setor. Outro ponto delicado é a percepção simplista de que uma fragrância é um “cheirinho”, uma mistura ingênua de ingredientes, quando na verdade o ciclo de desenvolvimento de um produto de qualidade e seguro passa por inúmeras etapas de pesquisa, desenvolvimento, testes de segurança, avaliações sensoriais sofisticadas, sem falar na criação de inúmeros ensaios antes de finalmente chegar à fragrância ideal. É essa cadeia que abriga uma arte milenar, que cria os perfumes da mais  alta qualidade pelos quais nos apaixonamos no ponto de venda.
Para você que ficou curioso e quer aprender mais sobre esse período histórico, deixamos duas dicas : o filme de Sophia Copolla Maria Antonieta, que mostra a história, os hábitos da época. E a série da Netflix Versailles, que é uma  aula sobre a monarquia francesa em seu auge de ostentação durante o governo do rei Luís XIV, idealizador da cidade de Versailles e projetos extraordinários na França, e quem teve um dos reinados mais longos e marcantes da história da Europa.

Tudo isso é repertório que você aplica na perfumaria, pode ser em uma conversa com o cliente, com colegas de trabalho, uma inspiração para um novo produto ou fragrância, perfumaria é isso, ampliar conhecimento em diferentes áreas para usá-lo quando você menos espera!

IR PARA A PARTE II DA ETAPA EUROPEIA

 

Paralela Escola Olfativa
Paralela Escola Olfativa
Uma escola livre que nos inspira não só a pensar ou fazer diferente, mas a sentir. Somos a única no Brasil a oferecer certificado pela Cinquième Sens (escola francesa com 43 anos de atuação na França e presente em mais de 10 países) e a pioneira no Brasil, em que sentir para entender a perfumaria é a principal metodologia. Não ensinamos fórmulas prontas: ensinamos a pensar, a ousar. Nesses 6 anos de atuação, recebemos mais de 1000 alunos na nossa sede, em São Paulo, e os incentivamos a olhar para a perfumaria em todos os ângulos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *